sábado, 19 de outubro de 2019

Cinemateca Júnior

PROGRAMA de ATIVIDADES ESCOLAS 2019-2020
Para grupos escolares de todos os níveis de ensino




A ESCOLA NÃO TEM DE SER A PRETO E BRANCO, ESPREITE ABAIXO!

Nha Fala, Comédia, Musical


CINEPT

"Nha Fala" é uma comédia musical que conta a história de Vita, uma jovem africana que está proibida de cantar, porque uma maldição ancestral, passada de geração em geração, ameaça de morte qualquer mulher que se atreva a cantar naquela família. Antes de partir para a Europa para continuar os estudos, a mãe obriga Vita a prometer que nunca cantará.
Em Paris, Vita conhece Pierre, um jovem músico, e apaixona-se. Radiante de felicidade, Vita solta-se e acaba por cantar e Pierre, surpreendido com o seu talento, convence-a a gravar um álbum, que se torna um êxito. Mas Vita, horrorizada pelo peso da maldição e temendo que a mãe descubra que ela faltou ao prometido, resolve regressar a casa, a África... para morrer. Com a ajuda de Pierre, Vita encena a própria morte e a ressurreição, provando assim à família e aos amigos que tudo é possível, quando se tem a coragem de ousar.
"Nha Fala" significa a minha voz, o meu destino, a minha vida, o meu caminho. Quatro palavras, símbolos de esperanças, que o realizador Flora Gomes reuniu para mostrar que às vezes a esperança ainda se transforma em incerteza no século XXI para os jovens africanos, e para mostrar também como é que isso se supera e que a música e o canto serão sempre símbolos de liberdade.
Fonte: PUBLICO.PT


Nha Fala
Flora Gomes
Portugal, França, Luxemburgo, 2002
Longa-metragem, Ficção, 210’


Filmes do ensino secundário que integram o PNC pela primeira vez

Estão publicados os filmes que integram o Plano Nacional de Cinema 2019/2010 na categoria do ensino secundário: Um Cão Andaluz A Revolução de Maio Exposição de Lourdes Castro na Galeria 111  Sombras  Painel do 10 junho de 1974 (Mercado do Povo) As Armas e o Povo24 Cores/Seg. Nha Fala Adeus, Lenine Autografia Terra Sonâmbula Antes de Amanhã O Mistério da Estrada de Sintra As Duas Faces da Guerra Nada Tenho de Meu Mustang A Tocadora A Sonolenta Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos Amor, Avenidas Novas 

O Gigante - Animação/Curta-metragem


O Gigante | O Xigante
Luís da Matta Almeida, Julio Valenzer
Portugal, Reino Unido, Brasil, Espanha, 2012
Curta-metragem, Animação, 7’
Sinopse - Um Gigante transporta no coração uma menina. O seu coração é uma janela imensa através da qual a menina descobre e decifra toda a realidade. De coisas assim é feito o “Crescer”.
A partir de trajectos legados pelos pais, os filhos traçam as suas próprias rotas, com erros de interpretação, com desvios de perspectiva, mas que são seus e é com eles que têm de viajar.
E um dia partem, levando a sacola, construindo o seu mundo sobre os mapas que um dia desenharam…
Levando no olhar o Sonho e principalmente Esperança.



Filmes do 3.º ciclo que integram o PNC pela primeira vez

Estão publicados os filmes que integram o Plano Nacional de Cinema 2019/2010 na categoria de 1.º ciclo: O Espírito da Colmeia | El Espíritu de la Colmena Central do Brasil É Preciso que eu diminua Água Mole Terra Ardida 

Animanimals



















Julia Ocker, Studio FILM BILDER, Writer-Director

Julia Ocker é uma diretora de animação, designer e escritora residente em Stuttgart. Nasceu em 1982 em Pforzheim, Alemanha e cresceu na Floresta Negra. Desde 2003 a 2005 estudou Desenho Gráfico em Pforzheim e Cairo e desde 2006 a 2012 Animação em Filmakademie Baden-Württemberg. Os seus filmes cobrem uma grande variedade de assuntos, desde dramas até ingénuos e engraçados como "Zebra". Em 2017 Julia fez uma série sobre animais, chamada „Animanimals“ e está muito entusiasmada com ela.




sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Close-up - Cinema para Escolas





Um extenso e diverso programa para o público escolar, com dez sessões, divididas entre os auditórios da Casa das Artes, dos Agrupamentos de Escolas, do ACE – Escola de Artes de Famalicão (para alunos de Teatro), da OFICINA - Escola Profissional do Instituto Nun'Alvares (para alunos de Audiovisuais e Multimédia) e da Universidade do Minho, direccionadas para todos os escalões etários, incluindo propostas de animação e de documentário, sessões comentadas e oficinas e uma masterclasse de Pedro Serrazina. Sessões que ambicionam estender-se para lá da sala de projecção e enriquecer os currículos da escola, em diálogo com a restante programação do Close-up, sob o tema do Tempo, com destaque, também, para as histórias do cinema francês, com filmes de Agnès Varda e Jean-Luc Godard.


Sessões na Casa das Artes de Famalicão


O ACOSSADO de Jean-Luc Godard
15.Out (10h00, GA) _ sessão para escolas (3.º ciclo, secundário e audiovisuais)

RAPOSA MANHOSA E OUTRAS HISTÓRIAS de Patrick Imbert, Benjamin Renner
15.Out (15h00, GA) _ sessão para escolas (1.º e 2.º ciclos)

OFICINA “QUANTO TEMPO TEM O TEMPO NO CINEMA
16.Out (10h00, PA) _ sessão para escolas (3.º ciclo e secundário)

MUR MURS de Agnès Varda
17.Out (10h00, GA) _ sessão para escolas (3.º ciclo, secundário), comentado por Tânia Leão

MR. LINK de Chris Butler (versão legendada)
18.Out (15h00, GA) _ sessão para escolas (2.º e 3.º ciclos)

CLOSE-UP – Observatório de Cinema: O Tempo (4.º episódio, 12 a 19 de Outubro) 2 de 3

O ACOSSADO de Jean-Luc Godard
15.Out (10h00, GA) _ sessão para escolas (3.º ciclo, secundário e audiovisuais)
Título original: À Bout de Souffle (França, ficção, 1959, 85 min)
Classificação: M/12

Michel Poiccard (Belmondo), ladrão de automóveis, mata o polícia que o persegue. Em Paris reencontra a sua amiga americana Patricia Franchini (Jean Seberg). Michel tenta convencê-la a ir com ele para Itália, mas a polícia descobre a identidade do assassino e ele é procurado. "À Bout de Souffle" é um dos filmes que melhor ilustra as consequências práticas e teóricas dos postulados da Nouvelle Vague, fazendo "explodir" o cinema para depois o reinventar. A primeira longa-metragem de Godard resultava, por si mesma, num nos momentos mais decisivos de toda a história do cinema.

RAPOSA MANHOSA E OUTRAS HISTÓRIAS de Patrick Imbert, Benjamin Renner
15.Out
(15h00, GA) _ sessão para escolas (1.º e 2.º ciclos)
Título original: Le grand méchant Renard et autres contes... (Belgica/França, animação, 2017, 95 min)
Classificação: M/6

Era uma vez uma quinta onde reinava o sossego e o contentamento. Mas, como nada é perfeito, neste lugar os animais eram um pouco dados a desvarios. Ali, entre tantas coisas incomuns, havia uma raposa pouco astuta que se esforçava – sem sucesso – por assaltar o galinheiro, um lagarto fluente em mandarim, uma galinha hiperactiva, um coelho crente que era uma cegonha e um pato que se queria fazer passar por Pai Natal...Realizado por Benjamin Renner ("Ernest e Célestine") e pelo estreante Patrick Imbert, uma comédia de animação para os mais pequenos, repartida em três pequenas histórias que adaptam "Le Grand Méchant Renard” e "Un Bébé à Livrer”, banda desenhada da autoria do próprio Renner.


OFICINA “QUANTO TEMPO TEM O TEMPO NO CINEMA”
16.Out (10h00, PA) _ sessão para escolas (3.º ciclo e secundário)

A oficina de cinema pretende explorar a os conceitos do tempo cronológico, o da ação, versus o tempo da narrativa, partindo de cenas da curta-metragem documental A Ver o Mar. Nesta oficina, os participantes vão ter noções sobre a importância da duração do plano, da sequência de imagens, e da “manipulação do tempo” através da montagem, que permite avanços e recuos temporais. O objetivo é
que os jovens consigam desenvolver as suas capacidades criativas e técnicas através de um exercício prático no qual vão experimentar a noção de passagem do tempo.

MUR MURS de Agnès Varda 
17.Out (10h00, GA) _ sessão para escolas (3.º ciclo, secundário)
Título original: Mur Murs (França/EUA, documentário, 1981, 65 min)
Classificação: M/12

Vagueando entre Venice Beach e Watts, Agnès Varda analisa as novas formas de arte pública que se manifestam na Los Angeles do início da década de 1980 e como estas espelham as muitas tribos urbanas da metrópole. Mur Murs é um documentário sobre os murais em Los Angeles. Quem os pinta…? Quem olha para eles…? Quem os paga…? Como é que a capital do cinema se revela sem ilusões através dos seus muros murmurantes. Quem fala? As pessoas de Los Angeles. A quem? A uma curiosa realizadora francesa. 

CLOSE-UP – Observatório de Cinema: O Tempo (4.º episódio, 12 a 19 de Outubro) 3 de 3

MR. LINK de Chris Butler (versão legendada) _ 18.Out (15h00, GA) _ sessão para escolas (2.º e 3.º
ciclos)
Título original: Mr. Link (EUA/Canadá, animação, 2019, 95 min)
Classificação: M/6

Apresentamos o Mr. Link: dois metros e quarenta, 290 quilos e coberto de pelo. Mas não se deixem enganar pelas aparências. Ele é divertido, simpático e adoravelmente literal, o que faz dele a lenda mais cativante do mundo. Farto de levar uma vida solitária, no Noroeste do Pacífico, Mr. Link recruta o audaz explorador Sir Lionel Frost para o guiar numa viagem em busca dos seus primos, há muito  perdidos, no mítico vale de Shangri-La. Juntamente com a aventureira Adelina Fortnight, o destemido trio de exploradores enfrenta perigos incontáveis, enquanto viaja até aos confins do mundo para ajudar o seu novo amigo. Mr. Link é a mais recente produção de um dos inovadores estúdios de animação em stop motion, a Laika.

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

A SÉTIMA ARTE ESTÁ DE VOLTA!

Olá! Um novo ano começou e já fervilham as ideias para a dinamização do Cinemaescas - Plano Nacional de Cinema. Não vão faltar novidades e muito cinema de qualidade. Está atento(a)!


                                                                                                                                                                   in pixabay.com

terça-feira, 16 de julho de 2019

Aquametragem


A curta-metragem animada Aquametragem, da portuguesa Marina Lobo, foi a vencedora da categoria “Proteger o nosso planeta” no Festival de Filmes ODSs em Acção, organizado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Esta é a maior competição de trabalhos cinematográficos dedicados aos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). 
inhttps://www.publico.pt, 16/07/2019

sexta-feira, 5 de julho de 2019

Ciclo de Cinema dedicado a Luís Buñuel

Leopardo Filmes e Medeia Filmes apresentam um ciclo de cinema dedicado a Luís Buñuel, a começar no dia 11 de julho, no Espaço Nimas, em Lisboa, e no Teatro Campo Alegre, no Porto. A sessão de apresentação do ciclo em Lisboa terá lugar no Cinema Medeia Monumental, dia 7 de julho, às 19h15, com o seguinte programa:

TRAS NAZARÍN (2015)
de Javier Espada (realizador e fundador do Centro Buñuel de Calanda) – 1h15

UN CHIEN ANDALOU / UM CÃO ANDALUZ (1929)
de Luis Buñuel, co-realizado com Salvador Dalí – 16min

L’ÂGE D’OR / A IDADE DE OURO (1930) – 1h

A sessão é seguida de conversa com Javier Espada.


 

25 X BUÑUEL
Leopardo Filmes
Teatro Campo Alegre - Porto


11 de Julho
ELE / ÉL (1953) - Duração: 1h32

12 de Julho
UM CÃO ANDALUZ / UN CHIEN ANDALOU (1929) - Duração: 1h30
A IDADE DE OURO / L’ÂGE D’OR (1930) - Duração: 0h24
LAS HURDES, TERRA SEM PÃO / LAS HURDES, TIERRA SIN PAN (1932) - Duração: 0h29

13 de Julho
ENSAIO DE UM CRIME / ENSAYO DE UN CRIMEN (1955) - Duração: 1h30

14 de Julho
ELE / ÉL (1953) - Duração: 1h32

15 de Julho
ENSAIO DE UM CRIME / ENSAYO DE UN CRIMEN (1955) - Duração: 1h30

16 de Julho e 17 de Julho
O BRUTO / EL BRUTO (1953) - Duração: 1h21

18 de Julho
UMA MULHER SEM AMOR / UNA MUJER SIN AMOR (1951) - Duração: 1h22

19 de Julho e 20 de Julho
O MONTE DOS VENDAVAIS / ABISMOS DE PASIÓN (1953) - Duração: 1h31

21 de Julho e 22 de Julho
NAZARÍN (1958) - Duração: 1h34

23 de Julho e 24 de Julho
AS AVENTURAS DE ROBINSON CRUSOE / LAS AVENTURAS DE ROBINSON CRUSOE
(1953) - Duração: 1h29

25 de Julho
A FILHA DO ENGANO (1951) - Duração: 1h20

26 de Julho e 27 de Julho
VIRIDIANA (1961) - Duração: 1h30

28 de Julho e 29 de Julho
OS ESQUECIDOS / LOS OLVIDADOS (1950) - Duração: 1h20

30 de Julho e 31 de Julho
SUSANA / SUSANA, DEMONIO Y CARNE (1951) - Duração: 1h25

Horários

Segunda à sexta: 18h30, 22h00
Sábados e domingos: 15h30, 18h30, 22h00



 


25 X BUÑUEL
Leopardo Filmes
Espaço Nimas - Lisboa


11 de Julho
ELE / ÉL (1953) - Duração: 1h32

12 de Julho e 13 de Julho
UM CÃO ANDALUZ / UN CHIEN ANDALOU (1929) - Duração: 1h02
A IDADE DE OURO / L’ÂGE D’OR (1930) - Duração: 0h24
LAS HURDES, TERRA SEM PÃO / LAS HURDES, TIERRA SIN PAN (1932) - Duração: 0h29

14 de Julho e 15 de Julho
ENSAIO DE UM CRIME / ENSAYO DE UN CRIMEN (1955) - Duração: 1h30

16 de Julho e 17 de Julho
ELE / ÉL (1953) - Duração: 1h32

18 de Julho
O BRUTO / EL BRUTO (1953) - Duração: 1h21

19 de Julho e 20 de Julho
O MONTE DOS VENDAVAIS / ABISMOS DE PASIÓN (1953) - Duração: 1h31

21 de Julho e 22 de Julho
AS AVENTURAS DE ROBINSON CRUSOE / LAS AVENTURAS DE ROBINSON CRUSOE (1953) - Duração: 1h29

23 de Julho e 24 de Julho
O BRUTO / EL BRUTO (1953) - Duração: 1h21

25 de Julho
UMA MULHER SEM AMOR / UNA MUJER SIN AMOR (1951) - Duração 1h22

26 de Julho e 27 de Julho
NAZARÍN (1958) - Duração: 1h34

28 de Julho e 29 de Julho
A FILHA DO ENGANO / LA HIJA DEL ENGAÑO (1951) - Duração: 1h20

30 de Julho e 31 de Julho
UMA MULHER SEM AMOR / UNA MUJER SIN AMOR (1951) - Duração 1h22

1 de Agosto
VIRIDIANA (1961) - Duração: 1h30

2 de Agosto e 3 de Agosto
OS ESQUECIDOS / LOS OLVIDADOS (1950) - Duração: 1h20

4 de Agosto e 5 de Agosto
SUSANA / SUSANA, DEMONIO Y CARNE (1951) - Duração: 1h25

6 de Agosto e 7 de Agosto
VIRIDIANA (1961) - Duração: 1h30

Horários:

13h30, 15h30, 17h30, 19h30, 21h30
Com exceção dos dias 12 e 13 de Julho: 14h00, 16h30, 19h00, 21h30

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Les Uns et Les Autres

O ano está a chegar ao fim, mas parece que nunca mais chega? Ainda tens montes de coisas para fazer, mas nada te rende? O que precisas é de desligar por momentos e recuperar forças para a meta final. Rir, gargalhar 😂 😂, conviver é o que te propomos no Cinemaescas  Sunset:  dia 29 de maio, pelas 18h40, na sala de pausa, com mimos gastronómicos. O filme é francês - "Les uns et les Autres" e promete muito riso e discussão!

Contamos contigo!

A equipa do Cinemaescas





Les Uns et Les Autres é um filme francês, com argumento e realização de Claude Lelouch.
Data de lançamento: 27 de maio de 1981 (França)
Direção: Claude Lelouch
Música composta por: Francis Lai, Michel Legrand, Pierre Barouh, Jean Yanne




Enquanto o mundo batalhava entre si durante a Segunda Guerra Mundial, quatro famílias de distintos países - Estados Unidos, França, Alemanha e Rússia - cruzaram-se em circunstâncias históricas e  unem-se através da dança e do drama. Este clássico decalca o Bolero de Ravel, com uma coreografia marcante de Jorge Donn em pleno Trocadero parisiense. A música tornou-se uma verdadeira febre na época lançada sendo quase impossível ouvir a música e não a associar ao filme. Composto de um elenco de extraordinários atores, sob a direção de Claude Lelouch, destacado pela criação de diversas obras primas do cinema de arte, "Les Uns et Les Autres" é sem dúvida, um dos filmes mais marcantes de sua época e continua encantando plateias do mundo inteiro.
in: Inter Filmes, http://www.interfilmes.com/filme

Camille Claudel e Renoir, filmes a não perder

No âmbito da "Semana das Artes" e do Plano Nacional de Cinema, serão projetados no anfiteatro dois filmes (para o 3.º ciclo e secundário), na próxima quarta-feira segundo horário abaixo.

MANHÃ

 08h30-10h10 – 3.º Ciclo - Camille Claudel, 1915 (2013), de Bruno Dumont

 10H15-12h15 - Secundário - Renoir (2013), de Gilles Bourdos

TARDE

13h30-15h10 - 3.º Ciclo - Camille Claudel, 1915 (2013), de Bruno Dumont

15H30-17h30 - Secundário - Renoir (2013), de Gilles Bourdos





Título original: Camille Claudel 
De: Bruno Dumont
Com: Juliette Binoche, Emmanuel Kauffman, Jean-Luc Vincent
Género: Drama, Biografia
Classificação: M/12
Outros dados: FRA, 2013, Cores, 95 min.





Título: Renoir
Data de lançamento 12 de julho de 2013 (1h 52min)
Direção: Gilles Bourdos
Elenco: Michel Bouquet, Christa Théret, Vincent Rottiers
Género: Drama
Nacionalidade: França

domingo, 26 de maio de 2019

Para começar uma semana divertida, bem, ou simplesmente começar...

...o cimemaescas desenvolve atividades dentro da Semana das Artes. A sétima arte, presente já em anos anteriores nesta Semana, começa-a com pequenas animações.Desejamos a todos uma boa Semana das Artes!
A equipa do cimemaescas












terça-feira, 12 de março de 2019

ESTREIA ESTE MÊS


ESTREIA ESTE MÊS Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos (2018), Brasil/Portugal, Renée Messsora e João Salaviza

sexta-feira, 8 de março de 2019

Cinema na escola...

O filme de 2018, Nada a Esconder, foi o motivo para um grupo de professores se juntarem à volta de uma mesa de iguarias e deliciar-se com a projeção da película durante uma hora e meia. Da comédia ao drama, passaram-se momentos de riso, descontração, reflexão... Aquela caixinha negra dos nossos dias deu que pensar a todos. Obrigada aos cinéfilos que, após um dia de trabalho, conseguiram ter a coragem de viver um bocadinho mais a escola!


quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Nada a Esconder

Continuas cansado(a), invernoso, sempre a sonhar com os dias de férias nas Bahamas que nunca mais chegam?
Nós temos a solução! 😂 😂
É isso mesmo! Rir, gargalhar, conviver é o que te propomos no Cinemaescas  Sunset:  dia 7 de março, pelas 18h40, na sala de pausa, com mimos gastronómicos. 

O filme é francês - "Nada a Esconder" e promete muito riso e discussão!

Contamos contigo!

A equipa do Cinemaescas





Com o objetivo de "apimentar" um jantar de velhos amigos, todos concordam em partilhar qualquer mensagem que recebam nos telemóveis... e os resultados são desastrosos.

Filme de 2018
Maiores de 13 anos 
Duração de 1 h 33 min 
Comédia/Drama
Com: Bérénice Bejo, Suzanne Clément, Stéphane De Groodt

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

Jaime


Jaime
António Reis
Portugal, 1974
Curta-metragem, Documentário, 34’
Sinopse  –  Através  do  desenho  e  da  pintura,  Jaime,  doente psiquiátrico,  busca,  no  seu  labirinto  interior  e  no  exterior que  o  rodeia,  a  harmonia  que  lhe  escapou:  o  sentido  das origens,  as  imagens  do  seu  passado  distante,  as  presenças do universo ausente das terras de Barco, na Beira Baixa, que cedo a cidade lhe roubou.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

A Maior Flor do Mundo |La Flor más grande del mundo



A Maior Flor do Mundo |La Flor más grande del mundo
Juan Pablo Etcheverry
Espanha, 2007
Curta-metragem, Animação, 10’
Sinopse   –   Baseado   no   conto   infantil   escrito   por   José Saramago em 2001, o filme conta a história de um menino que vivia numa aldeia e que um dia decidiu dar um grande passeio…